Texto do Dia – por Tullia Maria

Autora e Leitora

12 de janeiro. Uma única data e duas vidas marcadas. A minha, por ser o dia do meu nascimento. A sua, porque nesse dia você se despediu do mundo. Quando eu poderia imaginar que, anos depois, nos reencontraríamos? Não pessoalmente, é claro! Mas através do que você deixou escrito e eu adoro ler. Quantas e quantas vezes eu me vi abrindo mão de muitas coisas que tinha para fazer (“deixando para amanhã o que podia fazer hoje”) só para ver como você ia solucionar aquele mistério!? Quantas e quantas vezes eu falei de você, da forma como criava o enredo, de como suas personagens eram bem construídas, com aquele brilho no olhar?! E como eu falava bem daquele detetive amigo nosso que, apesar da inteligência invejável, é um grande convencido…

Sua vida eu sempre achei muito estranha: Cheia de controvérsias e mistérios que dão a impressão de que a vida imita a arte mesmo! E há aqueles momentos que até hoje não foram desvendados, passagens que só você mesma para explicar, em meio a uma boa conversa, em um legítimo chá da tarde britânico! Uma situação agora impossível…

Eu não posso dizer que você é minha autora favorita, porque eu não tenho nenhuma eleita. Mas eu posso afirmar, com toda a certeza, que você marcou a minha vida! E vai continuar nela, se fazendo mais presente a cada vez que eu abrir um livro seu… Em qualquer dia, ou num 12 de janeiro!

Tullia Maria

Anúncios
por resenhasdecabeceiras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s